quinta-feira, 14 de março de 2013

Diferente dos Outros - 1919 - Legendado - Reupado


Anders als die Andern; Reconstruído por Filmmuseum Muenchen. Pode ser o mais antigo "filme gay" em longa-metragem. Milhares de homossexuais na Alemanha foram sentenciados a penas de mais de cinco anos de cárcere pelo parágrafo 175 do Código Penal. Promulgada em 1871, com a criação da moderna nação alemã, esta lei contra "um vício antinatural entre homens" endureceu-se na era Nazista e depois se liberalizou nas duas Alemanhas, mas não foi totalmente derrogada até 1994. A lei foi desafiada em 1897 pelo movimento alemão de emancipação homossexual, o primeiro deste tipo em todo mundo. Seu líder, o dr. Magnus Hirschfeld (1868-1935), mantinha que os homossexuais constituíam um biológico "terceiro sexo", uma minoria social sujeita injustamente a discriminação. Hirschfeld argumentava que o parágrafo 175 não ajudava, mas sim fomentava a extorsão. Por cada homossexual açoitado pela lei, outros cem eram vítimas de chantagistas.
Durante a 1ª Guerra Mundial, o Diretor Richard Oswald (1880-1963) começou a colaborar com o Hirschfeld e outros sexólogos para produzir uma série de "filmes explicativos" encaminhados à educação sexual. Começaram temas como enfermidades venéreas, prostituição, e aborto, incluídos em uma história que neles haviam conselhos de um médico sábio. Depois da guerra, a censura foi temporalmente levantada em todos os meios alemães, o que abria uma janela aos cineastas. Em 1919, Hirschfeld e Oswald colaboraram em DIFERENTE A OUTROS (Parágrafo 175), o primeiro filme do mundo em tratar explicitamente da homossexualidade. Em um ano, os estudos alemães já contavam com 150 longas-metragem de tema sexual. Muitos desses "filmes explicativos" foram êxitos comerciais. Os protestos que provocaram, fizeram voltar para a censura. Todo o centro da controvérsia foi DIFERENTE DOS OUTROS, que foi proibido em 1920 e sobrevive, hoje.

Ano: 1919
Direção: Richard Oswald
Duração: 50 minutos

2 comentários:

Andreza Silva disse...

O link não está pegando.
Você ainda tem o torrent?

Obrigada.

Noslen Salem disse...

Disponível.
Pode vê-lo online também.